Homenageados

O Gala Pequeno Príncipe 2019 prestará homenagem a uma das cientistas mais importantes no cenário brasileiro: Lygia Pereira da Veiga Carramaschi. Formada em Física pela Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro (PUC-Rio), mestre em Ciências Biológicas pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ) e doutora em Ciências Biomédicas pela Icahn School of Medicine at Mount Sinai, em Nova York, ela tem feito importantes contribuições por meio de suas pesquisas.

São trabalhos que têm tido um grande impacto para a sociedade. Lygia fez parte, por exemplo, do grupo que sequenciou o genoma humano. Também produziu, em 2008, a primeira linhagem de células-tronco embrionárias, bem como se envolveu fortemente nos debates sobre o tema junto entre 2004 e 2008, que culminaram com a aprovação da lei que permitiu o desenvolvimento de pesquisas com células-tronco embrionárias no Brasil.

Uma das suas missões, segundo ela, é traduzir a ciência para uma linguagem que permita à população entendê-la, para, conscientemente, decidir que caminho seguir. Assim, Lygia é constantemente requisitada por profissionais como jornalistas para explicar, analisar e opinar sobre os avanços de pesquisas, sendo uma espécie de tradutora da ciência para a sociedade.

Trajetórias de destaque nos Estados Unidos
O Gala Pequeno Príncipe também vai homenagear o casal Paul J. Fribourg e Paula Zahn. Paul Fribourg atuou na última década como presidente e diretor executivo da Continental Grain, uma empresa internacional de agronegócios e investimentos que está entre as maiores companhias privadas dos Estados Unidos. Formado com honras na Amherst College e em Administração Avançada pela Harvard University, ele assumiu durante a sua carreira outros importantes cargos no mundo corporativo.

Paula Zahn, por sua vez, é uma jornalista vencedora de nove Emmys, a maior premiação da televisão. É produtora executiva e apresentadora do “On the Case with Paula Zahn”, programa semanal sobre investigações de crimes exibido pelo canal ID. Também apresenta o “NYC-Arts”, um programa a respeito de arte e cultura veiculado pelo THIRTEEN. Paula começou a sua carreira em jornais locais e a primeira atração nacional que apresentou na televisão foi o “Good Morning America”, no canal ABC News. Depois, teve passagens pela CBS News, Fox News e CNN. Paralelo à carreira profissional, a premiada jornalista se dedica ao trabalho com diversas organizações de caridade e atua incansavelmente para aumentar a conscientização sobre o câncer de mama.

Clique aqui e saiba como participar do Gala 2019, que será realizado em Nova York.